55 11 94815-4321 (Tim-WhatsApp) / 55 11 94627-8880 (Oi)

As pesquisas sobre o que faz um casamento funcionar mostram que as pessoas em um bom casamento concluíram essas “tarefas” psicológicas:

9 tarefas

  • Separe-se emocionalmente da família em que você cresceu; não a ponto de gerar estranhamento, mas o suficiente para que sua identidade esteja separada da de seus pais e irmãos(ãs).
  • Construa uma união baseada em intimidade e identidade compartilhadas, enquanto que ao mesmo tempo estabeleça limites para proteger a autonomia de cada membro da parceria.
  • Estabeleça uma relação sexual rica e prazerosa e a proteja das intrusões provenientes dos ambientes de trabalho e familiares.
  • Para os casais com filhos, abracem os papéis assustadores da paternidade e maternidade e absorvam o impacto da entrada de um bebê no casamento. Aprenda a continuar o trabalho de proteger a sua privacidade e a de seu cônjuge como um casal.
  • Enfrente e domine as crises inevitáveis ​​da vida.
  • Mantenha a força do vínculo conjugal em face da adversidade. O casamento deve ser um porto seguro em que os parceiros sejam capazes de expressar suas diferenças, raiva e conflito.
  • Faça uso do humor e do riso para manter as coisas em perspectiva e para evitar o tédio e o isolamento.
  • Nutram-se e confortem-se um ao outro, satisfazendo as necessidades de dependência de cada membro da parceria e oferecendo incentivo e apoio contínuos.
  • Mantenha vivas as imagens idealizadas, românticas, do apaixonamento do início do relacionamento, enquanto enfrenta as realidades sóbrias das mudanças provocadas pelo tempo.

Agradecimento a Judith S. Wallerstein, PhD, co-autora do livro “The Good Marriage: How and Why Love Lasts”

Texto adaptado e livremente traduzido pelo Psicólogo Alexandro Paiva, com cunho exclusivamente pedagógico, do texto original, que foi extraído do website http://www.apa.org/helpcenter/marriage.aspx. Acesso em 04/05/2015.

%d blogueiros gostam disto: